O Profissão Repórter 60+ nasceu de uma iniciativa menor, cujo piloto foi lançado pela Dínamo Editora em outubro de 2016, durante a segunda edição da Virada da Maturidade. A Virada é um evento anual, com duração de uma semana, que promove a discussão do envelhecimento e da longevidade através de atividades espalhadas pela cidade de São Paulo.

A ação, intitulada Você é o repórter – Jornalismo cidadão, era voltada apenas para pessoas com mais de 60 anos interessadas na cobertura jornalística da Virada. O piloto se dividia em dois componentes: o primeiro, um workshop teórico de quatro horas, onde os participantes aprendiam alguns fundamentos do jornalismo; e o segundo, a cobertura propriamente dita das atividades do evento. Toda a cobertura da Virada foi feita em tempo real pelos repórteres, por meio de textos, fotos e vídeos, e divulgada no site da iniciativa.

A ação foi repetida na Virada da Maturidade 2017, dessa vez com um componente intergeracional. Numa parceria com o Projeto Quixote, uma ONG que trabalha com crianças, jovens e famílias em situação de risco, o Você é o repórter 2017 contou com duplas de repórteres para a cobertura da Virada, sendo um idoso e um jovem. Foram quase 40 participantes– mais que o dobro de repórteres formados no ano anterior.

Diante da repercussão e do interesse gerados pela iniciativa, a Dínamo Editora e a Associação Centros Etievan desenvolveram uma versão estendida do curso, dessa vez com 3 meses de duração e atividades jornalísticas mais direcionadas. Nascia, assim, o Profissão Repórter 60+.